Bem-estar Sentir

DEPRESSÃO, TRISTEZA , DESANIMO, ENTENDA UM POUCO MAIS !

O corpo é escravo da mente, diz a medicina psicossomática Doença e saúde têm suas raízes no pensamento. Pensamentos doentios se expressarão através de um corpo doentio. Pensamentos de medo fazem adoecer e podem até matar.O desenvolvimento de uma nova ciência, batizada de “ecologia mental”   estuda as relações entre os pensamentos e os seres humanos e o modo como os primeiros influenciam maus pensamentos nos levarão fatalmente à ruína. Bons pensamentos nos levarão a um permanente desabrochar de nossas melhores possibilidades. A escolha é de cada um

Leia o livro :

Biologia da Crença!

ou   Cabala  e a arte para ser feliz

 

Leitura de Livros
Leitura de Livros

No campo dos pensamentos a imaginação é livre e tudo pode acontecer (coisas boas ou coisas ruins). E no nosso  mundo interno não existe certo ou errado, o  nosso pensamento simplesmente acontece, gerando  uma reação e consequências.

Cria-se movimentos de pensamentos; sejam eles  de proteção ou repressão  .E desta forma algo que foi primeiramente imaginado  apenas na fantasia de um desejo interno poderá vivenciado. Ao reprimir os pensamentos ,o  nosso corpo entende que está guardando ,algo precioso e que existe uma necessidade de manter este pensamento interno, pois se caso for colocado para o exterior irá sofrer alguma consequência. Então, acontece um bloqueio, e a fantasia é vivenciada apenas na imaginação, mas para a pessoa é uma realidade.

Curto circuito mental

Vamos imaginar os pensamentos sendo representado por uma máquina geradora de eletricidade para iluminar o seu quarto. Nesta máquina existem fios condutores para que a energia chegue até o seu destino final,  que é o desejo de iluminar o quarto. Se acontecer uma falha neste circuito, entre os pensamentos ( máquina) e os fios, a luz não iluminará o quarto. Portanto, será necessário resolver esta falha. Inicia-se uma avaliação para identificar o motivo do quarto não receber a luz  pelos fios e ter que  ficar no escuro.

Através deste exemplo criado sobre o quarto escuro quero fazer uma relação com os sintomas da depressão.

Entendendo a relação depressão  x  tristeza

Na depressão a pessoa se sente num quarto escuro, sem saída , impotente e sem imaginação para clarear os pensamentos. Parece que os pensamentos estão em “curto-circuito”; sente-se triste, desanimada e sem vontade de viver. E para romper com este quadro de pensamentos desestimulantes que a depressão desperta na pessoa, é importante uma análise para serem verificados os motivos causadores destas emoções. Esta análise acontece  muitas vezes através da ajuda de um profissional ,para restabelecer  o comando da vida, de forma que a pessoa aprenda a conviver com as frustrações do cotidiano.

É bom salientar que nem tudo é depressão, algumas vezes são tristezas , e que após um período de ” luto”  é possível ressignificar . e a pessoa passa a conviver normalmente com o fato causador da dor. O problema é quando esta tristeza passa a ser um momento único, e sem motivação para romper com a dor ,e neste caso será necessário um trabalho profundo e de comprometimento ao tratamento. Pois toda dor revela um sintoma de um momento do mundo interno do nosso inconsciente.

Um outro aspecto fundamental da ciência do poder da mente diz respeito à necessidade de que o pensamento seja não apenas positivo, mas também claro e objetivo. Carlos Castañeda, em seus livros, em seus livros, refere-se frequentemente à conveniência do controle da “tagarelice mental”, o fluxo desenfreado e descontrolado de pensamentos destituídos de objetivo preciso. O pensamento é energia que não se deve jogar fora em atividades vazias, destituídas de sentido. Desenvolver esse tipo de autocontrole constitui uma base fundamental preconizada por qualquer escola séria de conhecimento, tanto psicológico quanto espiritual. Os métodos de meditação e de concentração, por exemplo, são, todos eles, técnicas criadas para ajudar o buscador de si mesmo na difícil tarefa que é o controle do próprio fluxo mental. Pois, como dizem os iniciados, sem que o pensamento esteja ligado a um objetivo, não haverá realização inteligente. A falta de objetividade nos pensamentos é, portanto, um vício que deve ser corrigido. Sem essa objetividade, a função mental torna-se um inútil desperdício de energia e de tempo. Mas, quando o indivíduo consegue ser senhor dos seus próprios pensamentos, já terá dado passos importantes para a criação de si mesmo como ser plenamente consciente e realizado ( fonte  dados retirados  do  site https://www.revistaplaneta.com.br/pensamento-ele-e-uma-forca-viva-capaz-de-cirar-e-destruir/)

FLORAIS

Os florais podem ser complementares ao tratamento da depressão, pois não são considerados medicamentos e podem colaborar no tratamento psicoterapêutico, por gerar um despertar no campo energético mental através de suas essências e um novo movimento interno será estimulado.

A criatividade da pessoa que está num estado de confusão, tristeza profunda, desânimo e sem vontade de viver serão trabalhadas durante o tratamento para que ocorra a ressignificação da dificuldade  interna.

“Nada há de criado que não apareça na urgência, e nada na urgência que

não gere sua superação na fala”. (Jacques Lacan)

Portanto, existe a necessidade de um tratamento que coloque este sofrimento para fora. Na psicanálise a fala é solta, livre e sem julgamentos para que os bloqueios sejam desfeitos e revelados de forma que algo possa ser vivido com menos dor.

Procure sempre ajuda de um profissional, pois um tratamento bem direcionado auxilia para o bem estar da vida cotidiana.

As essências florais tratam a “essência” da pessoa que precisa de cuidada, a personalidade quando em conflito gera doenças no organismo. É assim, que os Florais tratam o equilíbrio entre mente, corpo e emoções.

Aromas e Florais na fase da Menopausa

 

 

Os florais  propiciam que os  pensamentos negativos, escuros e destrutivos, que devem ser evitados,se  transforme em pensamentos positivos, luminosos e criativos, que devem ser estimulados.

Agem suavemente, produzindo transformações sutis nos veículos mais profundos do ser, e determinando alterações positivas nos traços de caráter, nos impulsos e condições psíquicas. . Nessa visão,  a terapia floral ,ao invés de tentar resolver os sintomas e as doenças com seus procedimentos terapêuticos, procuram recuperar no indivíduo o seu equilíbrio, para que ele próprio exerça o combate à doença. A prática dessas terapias dá  uma nova visão sobre o processo saúde doença, ultrapassando as fronteiras da forma convencional do cuidar, observando o ser humano em suas múltiplas dimensões — física, mental, emocional e espiritual — e em relação ao seu meio ambiente, com uma nova ótica do ser saudável. A terapia floral pode ser utilizada em todas as especialidades da área da saúde, proporcionando o equilíbrio necessário ao indivíduo, tanto no seu aspecto preventivo como no curativo, e em todas as fases do desenvolvimento humano. Assim, sua ação será benéfica e harmonizadora na gravidez, no parto, no puerpério, no recém-nascido, na adolescência, na menopausa,   no envelhecimento , em situações cirúrgicas e emergenciais. Como cada pessoa tem experiências e atitudes pessoais diferentes diante de uma mesma experiência, pode-se compor uma fórmula com os florais que correspondam às emoções em jogo em cada caso. O desequilíbrio são vistos como um distúrbio de energia vital que reduz a resistência da pessoa, e toda vez que se altera algum desses aspectos/campos/estruturas no ser humano, altera-se o seu todo

O Floral Desânimo da linha Corpo & Alma da empresa QuanthaEssência é um floral que resume o nosso assunto de hoje. Vale a pena conferir no link abaixo. Seus benefícios traz um grande alívio das angústias e te motivará para viver a vida com a sua propriedade que deve ser vivida

Segue o link para você dar aquela conferida

https://quantaessencia.com.br/produtos/floral-desanimo

 

Leia o nosso post

                                      Florais de Bach para Tratamento da Depressão  por        Gesiane Nascimento

É importante ressaltar que os florais não causam efeitos colaterais, embora possam não dar o resultado desejado, caso a prescrição não tenha sido adequadamente indicada . Portanto, não existe contra-indicação, e, sim, uma indicação errada. Usada de maneira criteriosa, consciente e constante-mente reflexiva, a terapia floral beneficia tanto os pacientes quanto a própria equipe de saúde, que tem nela uma oportunidade de ancorar o cuidado nos seus aspectos mais sutis. ( fonte do texto :  Florais de Bach: uma medicina natural na prática Elaine Cristina de Jesus )

Fontes e Informações Adicionais:

http://www.burnoutsolutions.com

http://www.bachfloweressences.co.uk

http://www.care2.co

http://www.intelihealth.com

visite nossa loja  www.lojaorganik.com.br

                                                                          Estaremos  aqui!      trazendo mais informações

                                                                                                   sobre este e outros   temas

Este texto foi adaptado do post do nosso site
Depressão: escuridão de um quarto em curto-circuito  elaborado por
Fernanda Moracci Engelberg   –   Psicanalista
e adaptado por Glória Cristina Porto Coelho

 

Glória Cristina Porto Coelho

Glória Cristina Porto Coelho

Eu, Glória, nasci aqui nesta cidade (São Paulo), que muitos dizem caótica, mas que me acolhe tão bem. Sinto-me honrada por ter meus pais como companheiros, nesta viagem aqui na terra, pessoas sábias que do seu modo me ensinaram a ética e valores que trago comigo até hoje. Com eles aprendi o que é a verdadeira compaixão e entendi a necessidade da colaboração entre as pessoas e o gosto pela terra, pela natureza, pelas plantas e pelo trabalho.
Escolhi estudar Farmácia-Bioquímica sem mesmo saber que ela me levaria na trilha do autoconhecimento, pois a partir das indagações de como melhorar a saúde das pessoas que tanto gosto, descobri que aquilo que tinha nas mãos, apesar de ser uma ferramenta fantástica, “os medicamentos”, eles em algumas vezes não melhoravam as condições de bem-estar e harmonia do ser humano. Foi então que iniciei a busca pelo link oculto entre o científico e o "sentir”, e descobri que há outras ferramentas que melhoraram as condições internas e psicológicas, que necessariamente não passam pelo medicamento, por isso cursei Homeopatia e Naturopatia, onde aprendi sobre aromaterapia, massagens, reiki, noções de cromoterapia e PNL, enfim, percebi mudanças internas e nos outros também. Aliando o trabalho em farmácia com manipulação, que transforma as matérias primas em medicamentos, com as orientações e palavras de conforto, fui apreendendo que a boa vontade em ajudar era a grande ferramenta para dar o start na melhora das pessoas.
O encantamento foi tanto que me especializei em Acupuntura e Fitoterapia, tudo na busca de recursos para o bem-estar do ser humano.
Estudei biologia molecular e me deparei com as verdades da física quântica, a energia do ambiente, enfim tudo se interliga - a ciência, o sentir, as energias.
Percebo que há inúmeras gavetas, portas, “chaves e fechaduras” e elos que acessam a vida dentro de mim, me tornando consciente do meu presente e do meu viver. Sei que posso aliar estas ferramentas e me tornar uma mestre em minha própria vida. Cada vez mais me apaixono por todas estas ferramentas disponíveis que posso utilizar no meu dia a dia.
Estou certa de que quero e sou capaz de passar algumas dicas para vocês, referente à jornada que busca apenas tão somente um bem viver.
Obrigada, muito obrigada sempre!

Comentar

Clique aqui para fazer um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.