Agir Saúde

RECOMENDAÇÕES GERAIS  PARA AS MULHERES QUE ESTÃO NA FASE DA MENOPAUSA E CLIMATÉRIO

A menopausa é definida na literatura médica como a cessação dos ciclos menstruais, e que ocorre dentro do período denominado climatério, onde gradualmente, a mulher passa por mudanças hormonais com diminuição do estrogênio e progesterona, e da fase reprodutiva para a não reprodutiva. A expressão síndrome do climatério é aplicada ao conjunto de sinais e sintomas que provocam mal estar físico e emocional, resultantes da insuficiência estrogênica

Pesquise mais  em : Fonte  LUCA, L. A. Climatério: mitos e verdades. A Revista da Clínica Médica, v. 8, n. 27, p. 17-26, 1994

Na origem do termo, do grego Klimáter, com o significado de “período crítico da vida”, temos que os sinais da menopausa (do grego mens = mês: pausis = pausa) são visíveis e, como tais, marcam um dos significados da menopausa, o  início do envelhecimento da mulher com suas alterações físicas biológicas e psíquicas

Pesquise mais em :  Fonte BRONSTEIN, M. D. Climatério: o papel do endocrinologista. A Revista da Clínica Médica. v. 8. n. 27, p. 85-90, 1994

Recomendações gerais para mulheres na fase da menopausa.

RECOMENDAÇÕES GERAIS

  • Tabagismo Abandonar o uso do tabaco.
  • Atividade física Realizar pelo menos 30 minutos de atividade física de moderada intensidade 3 a 6 dias por semana. O exercício é fundamental na diminuição do peso, colesterol, doenças cardiovasculares e incidência de osteoporose,
  • Dieta
  1. Consumir frutas, raízes (batatas, cenoura, mandioca), fibras, vegetais, cereais (arroz, feijão), peixes. Aumentar a ingestão de proteína de soja, pois ela pode ajudar a diminuir o colesterol. Evitar alimentos ricos em colesterol: gema de ovo, vísceras (miúdos), carne gordurosa, salsicha, presunto, salame, mortadela, frutos do mar, gordura de côco, leite integral, manteiga, queijos, exceto minas e ricota.
  2. Consumo moderado de sal, açúcar e alimentos defumados.
  • Consumo de álcool . Limitar
  • Osteoporose Aumentar a ingestão de cálcio, desde que não haja contraindicação médica, como: leite, iogurte, brócolis, couve, agrião e peixe.
  • Depressão Ficar atento aos sintomas, pois é muito comum nesta fase.
  • Controlar a pressão arterial Manter os níveis  em torno de  120/80 mm-Hg.
  • Glicemia Controle da glicemia no caso de diabéticas.

Fonte:  FERNANDES, C. E. et al. I Diretriz Brasileira sobre Prevenção de Doenças Cardiovasculares em Mulheres Climatéricas e a Influência da Terapia de Reposição Hormonal (TRH) da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) e da Associação Brasileira do Climatério (SOBRAC). Arq Bras Cardiol. v. 91, n. 1, p. 1-23, 2008.

 

Abordaremos mais detalhes sobre esta fase da vida da mulher em outros posts.

Um  abraço  e  até  mais!

 

Glória Cristina Porto Coelho

Glória Cristina Porto Coelho

Eu, Glória, nasci aqui nesta cidade (São Paulo), que muitos dizem caótica, mas que me acolhe tão bem. Sinto-me honrada por ter meus pais como companheiros, nesta viagem aqui na terra, pessoas sábias que do seu modo me ensinaram a ética e valores que trago comigo até hoje. Com eles aprendi o que é a verdadeira compaixão e entendi a necessidade da colaboração entre as pessoas e o gosto pela terra, pela natureza, pelas plantas e pelo trabalho.
Escolhi estudar Farmácia-Bioquímica sem mesmo saber que ela me levaria na trilha do autoconhecimento, pois a partir das indagações de como melhorar a saúde das pessoas que tanto gosto, descobri que aquilo que tinha nas mãos, apesar de ser uma ferramenta fantástica, “os medicamentos”, eles em algumas vezes não melhoravam as condições de bem-estar e harmonia do ser humano. Foi então que iniciei a busca pelo link oculto entre o científico e o "sentir”, e descobri que há outras ferramentas que melhoraram as condições internas e psicológicas, que necessariamente não passam pelo medicamento, por isso cursei Homeopatia e Naturopatia, onde aprendi sobre aromaterapia, massagens, reiki, noções de cromoterapia e PNL, enfim, percebi mudanças internas e nos outros também. Aliando o trabalho em farmácia com manipulação, que transforma as matérias primas em medicamentos, com as orientações e palavras de conforto, fui apreendendo que a boa vontade em ajudar era a grande ferramenta para dar o start na melhora das pessoas.
O encantamento foi tanto que me especializei em Acupuntura e Fitoterapia, tudo na busca de recursos para o bem-estar do ser humano.
Estudei biologia molecular e me deparei com as verdades da física quântica, a energia do ambiente, enfim tudo se interliga - a ciência, o sentir, as energias.
Percebo que há inúmeras gavetas, portas, “chaves e fechaduras” e elos que acessam a vida dentro de mim, me tornando consciente do meu presente e do meu viver. Sei que posso aliar estas ferramentas e me tornar uma mestre em minha própria vida. Cada vez mais me apaixono por todas estas ferramentas disponíveis que posso utilizar no meu dia a dia.
Estou certa de que quero e sou capaz de passar algumas dicas para vocês, referente à jornada que busca apenas tão somente um bem viver.
Obrigada, muito obrigada sempre!

Comentar

Clique aqui para fazer um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.