Agir Comportamento

8 atividades para passar o dia das crianças com seus filhos

Com o dia das crianças se aproximando, podemos dizer que “inauguramos” o mês das crianças. Elas ficam extremamente ansiosas pelo seu dia (pelos eventuais presentes é claro) e a alegria é tanta que este mês, é delas!

Para o adulto, além da evidente alegria (Quem não gosta de ver seu pequeninho sorrir?) outras preocupações em relação aos presentes e a programação do que fazer com elas, começam a aparecer. Sabemos o quanto os pequenos, ainda mais os dos dias atuais, amam ganhar presente, entretanto é bom que os pais se lembrem da importância de criar laços afetivos, muito maiores do que os presentes!

Hoje queremos dar uma forcinha aos papais que estão com pouca criatividade ou inspiração na hora de montar a sua programação para o dia 12 e, por isso, montamos uma lista bem bacana com atividades para fazer ao ar livre, ou dentro de casa nesse dia das crianças. Afinal, o dia é delas, mas o feriado é para todos, então por que não aproveitar, não é mesmo?

3 atividades para passar o dia das crianças com seus filhos (ao ar livre)

1 – Piquenique

Montar um piquenique é uma opção super válida para quem não quer ficar literalmente dentro de casa no dia das crianças, mas também está sem coragem de encarar as grandes filas dos shoppings e locais fechados.

Toda a família pode montar uma cesta com lanches, doces e sucos, escolher uma praça, parque e por que não próprio quintal? Com tudo isso feito é só começar a diversão. Para ajudar nessa área vocês também podem levar bolas e jogos de tabuleiro.

2 – Parque de diversão

Para quem quiser passear, o parque de diversões é uma boa pedida. Sem dúvida alguma as crianças vão amar, desde aquelas que gostam de mais ação, àquelas que vivem em mundo mais voltado para princesas.  Afinal, dentro de um parquinho você encontra de pequenas montanhas russas até carrosséis com carruagens.

O único contra desse passeio é que provavelmente você passará algum tempinho nas filas, o dia das crianças é uma das datas que mais movimentam esse local.

3 – Camping

Essa opção é dedicada para as famílias aventureiras e que amam a natureza. O camping pode acontecer nos locais apropriados ou até mesmo no quintal de casa ou ainda, porque não na sala / cobertores entre cadeiras e sofás – criatividade)

O que importa é tornar a atividade bem real, deixar com que as crianças vivam essa experiência do acampamento. Deixe-as livres para separar os seus lanches, montar a barraca e, claro, ouvir e contar histórias de terror à noite.

5 Atividades para passar o dia das crianças com seus filhos (dentro de casa)

As ideias acima, podem ser feitos no dia das crianças se forem ao ar livre. Entretanto, a possibilidade de que a chuva e o frio apareçam de surpresa não são totalmente nulas, e é nesse momento que os pais se perguntam: e se chover, o que faremos?

Uma resposta é certa: a diversão não acabará por causa de uma mudança de tempo. Aliás, as crianças possuem uma imaginação tão realista que, para elas, brincadeira boa acontece até mesmo dentro de casa.

Então, caso sejamos pegos de surpresa pelo tempo ou se simplesmente vocês, adultos, não quiserem enfrentar as filas de estacionamento e de pagamento dos shoppings, parques, cinemas, zoológicos e circos, nós vamos passar o dia das crianças dentro de casa, se divertindo.

4 – Teatro

Se Maomé não vai até a montanha, a montanha vai até Maomé, não é mesmo? Além de ajudar a estimular a imaginação infantil, histórias contadas são devoradas pela atenção das crianças. O estilo do teatro só vai depender da imaginação dos adultos, pode até ser de fantoches, com bonecos feitos de meias customizadas.

A ideia é que todos participem, então os adultos começam a apresentação e depois pedem para que as crianças continuem, dando asas à imaginação.

5 – Batata quente moderninha

Você provavelmente já brincou de batata quente na sua infância. E no dia das crianças, você pode ensinar essa brincadeira aos seus filhos, mas de uma forma diferente. O celular será a batata, programado na opção timer da câmera.

Com todos sentados em círculo, é só iniciar a contagem regressiva e ir passando o celular de mão em mão, quando o tempo acabar, a imagem não deixará dúvidas sobre de quem é a mão “queimada”. É garantia de diversão.

6 – Caça ao tesouro

Torne a sua casa em um verdadeiro mapa pirata, onde só quem seguir todas as pistas encontrará o tão desejado tesouro. As pistas devem estar espalhadas pelos cômodos da casa, fazendo com que todos os participantes precisem trabalhar em conjunto, o prêmio são vocês quem decidem!

7 – Mímica

Mímica é o tipo de brincadeira que sempre causa boas risadas, e é isso o que queremos no dia das crianças, uma coleção de risadas. Vocês podem montar grupos ou trabalhar individualmente, isso depende muito do número pessoas.

Primeira parte decidida, é só escrever o nome de filmes, ações e atores em um papel e sorteá-los entre os participantes. O representante de cada equipe será o responsável por interpretar o que está escrito no papel, sem deixar que nenhum som se faça presente. Quem será o melhor “mimicando”?

8 – Mini Chef

Mexer com comida é uma atividade que diverte as crianças, ainda mais quando elas possuem uma liberdade para soltar a sua criatividade.

Vocês podem fazer um bolo em família ou montar lanches divertidos, por exemplo. É legal ter várias opções de confeitos e mini verduras durante o processo de criação. Só não se esqueça de manter os objetos cortantes longe dos pequenos, e não vale se estressar com a cozinha suja no final!

Essas 8 opções de atividades para passar o dia das crianças brincando com o seu filho podem ser modificadas pela sua imaginação, o importante é que vocês tenham esse tempo juntos!

Pedro José Domingues

Pedro José Domingues

Minha caminhada sempre foi na área de exatas. Sempre tive interesse em conhecer mais profundamente “como as coisas funcionam” e assim acabei indo para a Engenharia. Me formei pela FEI (1986) em Eletrônica no início da informática no Brasil – Reserva de Mercado – para quem conhece (hoje em dia conhecida como TI – Tecnologia da Informação).

Passei por diversas e excelentes empresas, trabalhando desde desenvolvimento de produtos e participando de grandes projetos dentro da área e sempre com grande curiosidade na área de Humanas, o que me fez decidir por uma pós graduação em Gestão de TI, onde diminuiria a parte técnica e lidava mais com pessoas e processos (relações de tecnologia com o comportamento humano). Depois de tantos anos estudando, agora é o momento máximo, onde esta interação com tecnologia está mais presente e de onde tirarei minhas inspirações para os textos que aqui apresentarei: reflexões sobre a revolução digital e o futuro de tudo!

Comentar

Clique aqui para fazer um comentário

Assine nossa Newsletter





Advertisement